Como a creatina pode ajudar na saúde do cérebro

Como a creatina pode ajudar na saúde do cérebro

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram

A creatina é um composto orgânico produzido naturalmente pelos rins e fígado, a partir de alguns aminoácidos (glicina, arginina e metionina), que fornece energia para os músculos e favorece o desenvolvimento das fibras musculares. No geral, o nosso corpo produz cerca de um grama de creatina por dia e o outro um grama é ingerido na dieta.

Porém, mesmo que a creatina seja produzida pelo nosso organismo, a suplementação pode ser um caminho para conseguir chegar ao seu objetivo. É importante lembrar que qualquer suplementação deve ser orientada por um profissional da área de saúde.

 

A Creatina é boa para a saúde do nosso cérebro?

Como ela é essencial para o equilíbrio de energia, a creatina pode melhorar a performance cerebral e ter atuação como neuroprotetora, pois diminui a demanda cerebral por oxigênio e reduz a fadiga mental. 

 

Como isso funciona? 

A enzima creatina quinase (CK), envolvida no mecanismo de ação da creatina, também é expressa no cérebro, mostrando que ele é fundamental para o fornecimento de energia para o sistema nervoso central.

Inclusive, já há estudos correlacionandos à deficiência de creatina, com a causa de retardo mental. Uma alimentação equilibrada supre a necessidade diária de creatina, para que a deficiência não ocorra. A creatina é encontrada principalmente em carnes vermelhas, peixes (como salmão), ovos, leite e frango.

A creatina também é uma grande aliada para prevenir a fadiga cognitiva, após uma grande atividade mental. Ou seja, assim como ela reduz a fadiga muscular pós exercício físico, ela também diminui a fadiga mental pós exercício mental.

Além disso, tem se estudado bastante sobre o uso terapêutico da creatina para doenças neurodegenerativas, como Parkinson e Alzheimer. Esses estudos ainda são recentes, porém inovadores nesse ramo de atuação. 

 

O que já se sabe sobre a suplementação de creatina e saúde cerebral?

  • melhora a memória e a capacidade de retenção;
  • melhora a fadiga mental;
  • apresenta melhora cognitiva, também observada em idosos; e
  • possui maior efeito cardioprotetor e neuroprotetor.

 

É sempre bom lembrar que se alimentar bem e com comida de verdade é a base do sucesso para nutrir, de forma equilibrada, o nosso organismo. E a suplementação pode te ajudar com isso!

Dr Rayane Pimentel

Dr Rayane Pimentel

Nutricionista
Nutri Advisor - Central Nutrition
@rayannepimentel.nutricionista

Você também pode gostar