O que é EPA e DHA? Conheça os ácidos graxos do ômega 3

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram

O ômega 3 é um ácido graxo essencial que ajuda no bom funcionamento do sistema de defesa e do organismo de forma geral, pois é um anti-inflamatório natural. Muito presente em oleaginosas e peixes, ele tem dois tipos de ácidos graxos que o corpo não consegue produzir: EPA e DHA.

Quando as membranas celulares estão cheias desses ácidos, as funções das células acontecem de forma muito melhor. Pensando nisso, preparamos este artigo para você saber mais sobre o assunto. Boa leitura!

Qual é a importância do ômega 3?

O ômega 3 é uma gordura poli-insaturada (ou ácido graxo) fundamental para preencher carências nutricionais, ajudando na manutenção de uma boa saúde. Essa substância tem um poderoso efeito anti-inflamatório, como na diminuição de inflamação nas articulações.

Por combater os radicais livres, reduz o envelhecimento precoce da pele. Ajuda também na saúde ocular e na prevenção de diversas doenças. Outros itens que se beneficiam do ômega 3 são a memória, o humor e a agilidade de raciocínio.

O que são EPA e DHA?

EPA (ácido eicosapentaenóico) e DHA (ácido docosahexaenoico) são compostos que desempenham as funções mais conhecidas do ômega 3. O EPA tem ação anti-inflamatória, sendo interessante para pessoas que apresentam doenças ou sintomas de caráter inflamatório, como celulite e artrite reumatoide, e pode apresentar benefícios para a saúde cardiovascular.

O DHA tem propriedade antioxidante e está envolvido em vários processos cognitivos, além de proteger contra doenças neurodegenerativas como Parkinson e Alzheimer. Também faz parte da retina dos olhos e tem papel importante no desenvolvimento fetal.

O consumo desses ácidos graxos ajuda na manutenção de níveis saudáveis de triglicerídeos. Para isso, é importante investir em uma alimentação saudável e na prática de atividades físicas.

De forma geral, é recomendável ingerir uma quantidade diária de 250 a 500 miligramas de EPA e DHA para adultos saudáveis por dia. A proporção entre EPA e DHA em uma suplementação deve ser adequada para a correta absorção e ação no organismo, mas essa parcela pode variar de acordo com o benefício proposto pelo produto.

Quais são os benefícios do ômega 3?

Entre os benefícios do ômega 3 e, consequentemente, do EPA e DHA, estão:

  • reduz o colesterol: esses ácidos graxos provocam o aumento dos níveis do colesterol bom e a redução dos níveis de colesterol ruim;
  • regula a pressão arterial: capaz de evitar a formação de gordura nas artérias;
  • previne doenças do coração: o EPA regula a atividade das plaquetas sanguíneas enquanto o DHA evita arritmias cardíacas;
  • combate a depressão: melhora a fluência das membranas que envolvem as células nervosas e aumenta a produção de diversos neurotransmissores.

Ao contrário do que algumas pessoas acreditam, as gorduras têm papel importante no organismo, e o ômega 3 merece destaque pelos seus benefícios. O que faz com que ele seja tão especial são o EPA e DHA, que o organismo não consegue produzir e devem ser consumidos por meio da alimentação ou da suplementação.

Dr Rayane Pimentel

Dr Rayane Pimentel

Nutricionista
Nutri Advisor - Central Nutrition
@rayannepimentel.nutricionista

Você também pode gostar